Realidade

Eu interpreto como uma ‘surrealidade’ a mais nova animação do estimado amigo Rubens Caetano.

Como sempre, está concorrendo ao Anima Mundi Web.

Vídeo aqui  —> http://www.animamundi.com.br/web_galeria.asp?ano=2009&cod=787

Darei minhas impressões:

Acho que a imagem do último plano fechou bem a história e ampliou o sentido da aparente ilusão íntima do personagem a um estado de ilusão coletiva, o famoso inconsciente coletivo que, de fato, está presente em nossas vidas. A realidade autônoma tem um custo,  daí a maior parte não passar de fantoches…

(Rubens, se vc puder me mandar um still pra ilustrar o tópico, basta enviar por e-mail)

Anúncios

7 Respostas

  1. Rubens

    Eita! Valeu, Daniel! Vou usar esse seu review na caixinha do DVD!
    Tô sem imagem pra te passar aqui na Bahia (Tô na Bahia, sabia (rimou! (existe parênteses dentro de parênteses?)?)). Abraço!

    19/07/2009 às 10:37 pm

    • Daniel

      Acho melhor usar travessão dentro de parênteses.
      Legal, meu review foi pra caixinha!
      Imaginei que vc estivesse por aí, demorou pra responder…rsrs
      Mande notícias!

      19/07/2009 às 11:40 pm

  2. Eu entendi outra coisa: o bichinho que convida o “fantoche” pra aventuras que o ajudam a “fugir da realidade” é na verdade o personagem principal. o Fantoche é a fantasia, o que a gente tem que criar pra conviver com as outras pessoas. Pensei nisso quando vi a cena final, em que cada bichinho parece com o seu “fantoche”. Acho que o que a gente é de verdade é esse bichinho, e a gente tem poderes além de toda a matéria, por que no fim de tudo, o nosso mundo é do tamanho do alcance da nossa percepção.

    Foi mal, dei spoiler.

    21/07/2009 às 12:18 am

  3. Nathan

    As pessoas são manipuladas igual ao que aconteca no filme do Thiago “Pinocchio”,as coisas divertidas que acontecem no “mundo” do bichinho,são as coisas ruins que acontecem no dia-a-dia,por exemplo:o carro do bate bate que bateu na parede do parque,era o cara batendo o carro na parede de um prédio!No final o “bichinho” mata o cara para ele esquecer o que aconteceu naquele dia,para ele voltar a brincar com ele de novo,é isso aí pessssoaaaaalllll!!!!Sou só uma criança!

    26/07/2009 às 2:15 am

    • Rapazinho,
      só de você ter relacionado a questão principal do filme do Thiago (que você não viu, só ouviu comentar) com esta animação já demonstrou uma percepção maior que a minha. E os comentários do seu irmão também redundaram no fechamento de pontos importantes, principalmente sobre a questão da morte do personagem.

      26/07/2009 às 9:57 pm

  4. Mari

    Achei muito doido e cômico

    26/07/2009 às 10:41 pm

  5. Rubens

    Uau, gostei das análises!

    30/07/2009 às 4:05 pm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s